Grupo Africano de Reflexão e Acção Feminista

Mulheres progressistas e feministas têm desempenhado historicamente um papel importante e largamente pouco apreciado em muitas lutas de libertação africanas. Ainda hoje, as feministas estão na vanguarda na resistência aos retrocessos democráticos e na luta contra a discriminação contínua baseada no género, raça, etnia e classe.

Convencida do potencial transformador do pensamento feminista e do activismo para projectos políticos progressistas mais amplos, desde 2016 a FES Moçambique convoca reuniões regulares de académicas feministas, activistas sociais e mulheres progressistas nos sindicatos e na arena política de diferentes regiões do continente africano. Nos chamados "Laboratórios de Ideias Feministas", um grupo de 40 mulheres reuniu-se regularmente para discutir as agendas políticas nos seus contextos, partilhar experiências e trocar tácticas políticas de uma forma participativa, interseccional e solidária. Formaram o Grupo Africano de Reflexão e Acção Feminista e empenharam-se na procura de alternativas socio-económicas e políticas concretas, que permitam às mulheres (e aos cidadãos em geral) falar por si próprias e lutar pelos seus interesses, direitos e liberdades.

As discussões foram documentadas através de uma série de vídeos e da Série de Reflexões Feministas. O grupo também apresentou uma agenda conjunta sobre extractivismo e resistência feminista, que põe em prática as ideias políticas: sob a forma de "escolas feministas" para mulheres em áreas de mineração, encontros de solidariedade e partilha de conhecimentos entre África, Ásia e América Latina, projectos de investigação sobre a influência das culturas alimentares geneticamente modificadas nas comunidades e mulheres tanto como ferramentas activistas (link) para a luta conjunta contra a violência baseada no género. Algumas reflexões posteriormente transformaram-se também em contribuições para o número especial sobre Extractivismo (link) do Jornal Feminist Africa.

Participação política, organização feminista e criação de espaços democráticos inclusivos

Akiyode-Afolabi, Abiola

Participação política, organização feminista e criação de espaços democráticos inclusivos

Maputo, 2021

Baixar Publicação (1,1 MB, PDF-File)


Para além do Extrativismo: Alternativas feministas para um desenvolvimento equitativo em termos sociais e de género em śfrica

Randriamaro, Zo

Para além do Extrativismo: Alternativas feministas para um desenvolvimento equitativo em termos sociais e de género em śfrica

Maputo, 2019

Baixar Publicação (1,6 MB PDF-File)


Conversas feministas

McFadden, Patricia; Twasiima, Patricia

Conversas feministas

Situando as nossas ideias radicais e energias no contexto africano contemporâneo
Maputo, 2019

Baixar Publicação (1,8 MB PDF-File)


Notícias

08.03.2022 | Political Feminism | News, Event

"Dia Internacional da Mulher - Mexeu com uma, mexeu com todas! Estamos juntas contra o vírus do patriarcado e da exclusão!"


Mais informações

17.09.2020 | News, Notícias

Constant Cap defende a reflexão sobre o planeamento urbano para reinstalar a justiça social nas cidades Africanas.


Mais informações

Publicações

Strategic options for managing violent extremism in Southern Africa

Strategic options for managing violent extremism in Southern Africa

The case of Mozambique
Maputo, 2021

Baixar Publicação (11 MB, PDF-File)


The role of women in the conflic in Cabo Delgado

Feijó, João

The role of women in the conflic in Cabo Delgado

Understanding vicious cycles of violence
Dakar-Fann, 2021

Baixar Publicação (600 KB, PDF-File)


Friedrich-Ebert-Stiftung
Escritório Moçambique

Av. Tomás Nduda, 1313
Caixa Postal 3694
Maputo – Moçambique

(00 258) 21 49 12 31
(00 258) 21 49 02 86

info(at)fes-mozambique.org
mozambique.fes.de

voltar ao início